Dia do Internauta

0

Por Camila Vitor.

Há não muito tempo, o mundo desconhecia completamente o significado das palavras World Wide Web e o quanto seriam importantes para o mundo virtual. Com a criação da sigla www – que dá acesso a praticamente todos os sites registrados na internet – o termo tornou-se muito comum para o dia a dia de qualquer internauta. Por isso, em comemoração à criação da sigla, que ocorreu em agosto de 1990 e à possibilidade de acesso à rede mundial de computadores de uma forma mais ágil e simples, comemora-se hoje o Dia do Internauta.

A criação do www permitiu que qualquer pessoa pudesse acessar um endereço na internet sem que fosse necessário ser um especialista em computadores, fato raro na década de 90. A variedade de informações e ambientes disponíveis na web também cresceu de forma abundante: em 1992, havia míseros 315 sites na internet, enquanto hoje há cerca de 174 milhões.

A internet hoje é utilizada na maioria das atividades do cotidiano. Com ela, uma série de hábitos mudou: se um currículo era entregue impresso e pessoalmente, hoje é enviado pela internet. Compras podem ser feitas pela rede. O brasileiro, por exemplo, já é o maior consumidor eletrônico do mundo.

Podemos então dizer que todas estas novas tecnologias que propiciam a comunicação em mídias sociais, estão acelerando de forma extremamente rápida a globalização e desenvolvimento mundial. Não existem muitos limites: podemos falar em tempo real com qualquer parte do mundo e compartilhar, também em tempo real: fotos, filmes, notícias, compras e o que mais quisermos. E também pela internet, que proporciona maior liberdade para escrever ou dizer o que pensa, é preciso tomar muito cuidado, pois o “escudo” permitido pela rede não é 100% seguro: fatos ocorridos no ambiente virtual podem levar usuários a tribunais e até as prisões.

Então, a internet, que hoje está a um smartphone de distância, vibrando e nos atraindo o tempo todo na nossa mesa, no bolso ou na mão, pode ser muito útil para interação, conhecimento, estudos e até aproximação de quem está distante. Basta usar os nossos recursos com bom senso e atenção, sem ferir ninguém e sem esquecer que o cristão deve ser exemplo por onde passar, inclusive na internet!

Sobre o Autor

Para para contribuir com nossos trabalhos nos contate pelo e-mail comunicacao@setorjuventudesa.com.br.

Os comentários estão fechados.

Comente pelo Facebook